Bebidas para Casamento

A FESTA ESTÁ CONFIRMADA!

Chega de cancelamento de última hora do evento por falta de grana para as bebidas.

Agora neste ramo, Cachoeiro conta como uma nova linha de crédito conhecida como antecipação de recebíveis, que possibilita pagamento em prestações mensais do(s) produto(s) pretendido.

Renomada empresa no ramo, a “PS VINHOS”, inova no mercado de bebidas essa linha de crédito que vem a ser a antecipação de valores, como o nome mesmo já diz, dos recebíveis, ou seja, o produto em estoque será entregue na data convencionada pelo adquirente, através de vendas parceladas no cartão de crédito, boleto ou cheques pré-datados de clientes em capital presente, para garantir segurança financeira a empresa.

Esclarece que por diversas razões, a antecipação é solicitada por empresas, no que refere a “P S” a principal razão, estão os problemas de vendas e sazonalidade, já que seu ativo diversificado em estoque supera a casa de R$ 500.000,00, e, a antecipação de valores é uma forma muito mais satisfatória para melhorar as finanças.

Agende a presença do sócio proprietário e/ou compareça na empresa e/ou acesse o e-mail psvinhos@bol.com.br, a fim de receber informações necessárias e esclarecimentos detalhados sobre o assunto. 
Caso queira já adquirir uma cota minima de R$ 20,00 entre por favor no seguinte link: 
https://psvinhos.comunidades.net/boletos-e-cartao


Bebidas do casamento: como acertar na escolha e nas quantidades.

 Saiba como escolher os tipos certos e calcular as quantidades para não passar apertos na hora da festa.

Organizar um casamento é uma atividade que exige a tomada de muitas decisões e cuidado com detalhes. Afinal, cada escolha, por menor que seja, pode causar um grande impacto no orçamento e no resultado final do evento.

Uma das decisões de maior impacto é a seleção de bebidas para servir na recepção. A primeira coisa é definir qual é o perfil dos convidados e o cardápio que será servido.

Outro ponto que pode influenciar nas bebidas a serem servidas é o tipo da festa em si – horário, local e até estação do ano. O tipo de bebida está relacionado diretamente com o horário do evento e o perfil de festa que se está pretendendo: por exemplo, um vinho tinto mais encorpado, dificilmente saia bem em um casamento na praia, no período da tarde.

Além do desafio de escolher os tipos certos, para agradar os convidados e combinar com a escolha do cardápio e com o perfil da festa, ainda tem a preocupação de acertar a quantidade. Ainda que vários fornecedores ajudem no cálculo, ter uma noção do quanto você realmente precisa é fundamental para não passar apertos depois – nem no bolso, nem na festa.

 Como calcular a quantidade ideal de bebidas?

E se faltar bebida? Essa é, provavelmente, a preocupação de muitos noivos e noivas. Afinal de contas, ninguém quer ter que lidar com o fim das bebidas no meio da comemoração. Porém, existe ainda a chance de comprar muito mais bebidas que o necessário e acabar com um prejuízo considerável e um monte de garrafas intocadas.

Na hora de fazer o cálculo, é indispensável ter em mãos o número de convidados esperados no evento. Porém, para que a quantidade seja acertada, também deve-se levar em conta a duração da festa e a variedade de tipos de bebidas que serão servidos.

Outro ponto que pode pesar na decisão final é pensar no perfil dos seus convidados: se eles bebem muito, qual a faixa de idade da maioria (é comum que jovens consumam mais bebidas), se eles consomem álcool ou não. Se um tipo de bebida faz muito sucesso entre seus amigos e familiares, talvez seja uma boa ideia extrapolar a quantidade calculada; ou, se uma grande parcela dos convidados não consumirem bebidas alcoólicas, você pode adquirir menos que o calculado, por exemplo.

Confira como calcular a quantidade de tipos diferentes de bebidas, considerando o número de convidados e pensando em um consumo médio:

  •  Champanhe ou espumante: 1 garrafa para cada 3 convidados;
  •  Vinho tinto: 1 garrafa para cada 10 convidados;
  •  Cerveja: 1,5 latinhas para cada convidado;
  •  Vodka e whisky: 1 garrafa para cada 10 convidados;
  •  Refrigerante: 1 garrafa para cada convidado;
  •  Água: 1,5 garrafas para cada convidado;
  •  Energético: 1 lata para cada 3 convidados.

No sistema de consignado "Pré-Pago", a  Vinhos fornece uma quantidade de bebidas e oferece a oportunidade de devolução das que não forem abertas, rótulo danificado, lacre rompido, que foram ao gelo ou consumidas. A maneira como isso será feito depende da forma acordada com a  Vinhos, por isso, não deixe de verificar quais são as regras de consumo mínimo e a margem de 30% do que pode ser devolvido.

Assim, os noivos podem pagar apenas o que realmente for consumido e não são pegos de surpresa caso os convidados consumam mais ou menos que o imaginado. Neste formato é possível levar mais bebida do que o ideal sugerido, para evitar falta em caso de um consumo maior do que a média.

 Como escolher as bebidas

Assim como no cálculo da quantidade, a seleção dos tipos de bebidas a serem servidos precisa ser baseada no perfil dos seus convidados. Outro ponto importante é os pratos escolhidos para o cardápio. Então, além de perguntar-se o que os convidados gostam de beber, é essencial conciliar esses gostos com o que combina com as escolhas de comidas.

Para maior segurança, uma boa alternativa é apostar em um bom mix de tipos diferentes. A verdade é que a variedade é o que mais se tem buscado hoje em dia. Uma bebida não elimina a outra, a diversidade é o que vai atender melhor um evento, que recebe pessoas de diferentes estilos e gostos.